Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Por fim, o meu Imaculado Coração triunfará

Compartilhe:
nossa-senhora

O fiat de Maria, a palavra do seu coração, mudou a história do mundo

Na aparição de 13 de julho de 1917, depois de mostrar o inferno para os pastorinhos e de prometer que viria pedir a consagração da Rússia, a Devoção Reparadora dos Cinco Primeiros Sábados e de lhes mostrar o futuro apocalíptico, Nossa Senhora disse: “Por fim, o Meu Imaculado Coração triunfará”, para dar a entender como ela empenha nisso o seu nome, a sua honra.

“Que significa isto? Significa que este coração aberto a Deus, purificado pela contemplação de Deus, é mais forte que as pistolas ou outras armas de qualquer espécie. O fiat de Maria, a palavra do seu coração, mudou a história do mundo, porque introduziu, neste mundo, o Salvador. Graças àquele ‘sim’, Deus pôde fazer-se homem no nosso meio e tal permanece para sempre. (In Memórias p 232 Comentário Teológico – Joseph Card. Ratzinger)

Nesta mesma aparição, Ela prometeu que viria pedir a Devoção Reparadora dos Cinco Primeiros Sábados e cumpriu a sua promessa, no dia 10 de dezembro de 1925, ao aparecer com o Menino Jesus para Irmã Lúcia, em Pontevedra, na Espanha. Esses sãos os atos reparadores que compõe essa devoção: a confissão e a comunhão, a oração do terço e quinze minutos de meditação da Palavra. Tudo isso deve ser vivido com uma única intenção de reparar o Imaculado Coração de Maria, para que o Seu amor maternal, triunfe em nós e através de nós.

Foto: Arquivo CN/cancaonova.com

Por meio dessa espiritualidade, Deus quer estabelecer a paz no mundo, como Nossa Senhora sublinhou ainda nesta aparição de julho: “Virei pedir a consagração da Rússia a Meu Imaculado Coração e a Comunhão reparadora nos primeiros sábados. Se atenderem a Meus pedidos, a Rússia se converterá e terão paz” (In Memórias da Ir. Lúcia p. 177).

O Imaculado Coração de Maria triunfa, quando deixamos que Ela gere Cristo em nós, para que, através do nosso sim a Deus, também possamos nos associar a sua missão de fazer Cristo conhecido e amado até a Sua segunda vinda. Contudo, para que este triunfo aconteça nos nossos corações, é preciso que cumpramos os seus pedidos, especialmente aqueles nos quais Ela mais insistiu: a oração diária do Terço, a Devoção Reparadora dos Cinco Primeiros Sábados, a oração e a prática de sacrifícios como via de conversão, e a Consagração ao Seu Coração Imaculado!

Entretanto, a nossa reparação ao Imaculado Coração de Maria não deve ser feita somente nos primeiros sábados de cada mês, mas todos os dias da nossa vida, principalmente por meio da prática desses atos reparadores, ou seja, por meio da nossa assiduidade na vivência dos sacramentos, da vida de oração e da nossa coerência de vida.

À medida que adentramos nessa espiritualidade reparadora, o pecado vai perdendo espaço em nosso coração. A partir dessa realidade, constatamos: “Quando os pecados são maiores que a reparação feita, temos como consequência guerra, fome, perseguição à Igreja, mártires, divórcios e crimes. Quando os pecados são equivalentes à reparação feita, temos paz, harmonia nas famílias. Sim, “para reequilibrar a balança do mundo, inclinada para o lado do mal pelo mau uso da liberdade humana, a oração reparadora é a solução, tão misteriosa quanto eficiente” (P. Morujão, FTA, 552). Portanto, quando a reparação for superior aos pecados, então acontecerá o grande anúncio de Fátima, o Triunfo do Coração Imaculado de Maria: “Por fim, meu Imaculado Coração Triunfará”.

Assim verificamos que o triunfo do Coração Imaculado de Maria não é político, mas a vitória de Jesus por meio da Sua Encarnação, Paixão, Morte e Ressurreição, na qual o Coração Imaculado de Maria tem uma participação importante.

Uma vez que compreendemos a urgência de fazermos reparação, sabemos que, desta forma, estamos amando a Santíssima Virgem, honrando-a e tornando-a amada. Dessa forma, oferecendo a Maria essa forma de reparação, especialmente ao vivenciar os atos reparadores, reconhecemos o grande dom que Ela é para a humanidade e a sua colaboração junto a Jesus na Sua obra da redenção.

O carisma da reparação é um convite para toda a humanidade, pois pode ser  vivido, pelo clero, em todas as comunidades, em todas as congregações e por todos os fiéis que se abrem à vivência do amor reparador.

Conhecei essa Devoção Reparadora dos Cinco Primeiros Sábados, em Fátima, Portugal, pois morei lá como missionária durante 10 anos e dois meses. Isso se deu de 2003 a 2013. Durante esse período, fui impactada por essa belíssima espiritualidade que me levou a uma consagração celibatária na Comunidade Canção Nova, tendo como principal missão reparar o Imaculado Coração de Maria.

Essa espiritualidade da Devoção Reparadora dos Cinco Primeiros Sábados tem sido propagada na comunidade Canção Nova, em Cachoeira Paulista (SP), desde abril do ano de 2016, quando demos início, no Santuário do Pai das Misericórdias, a Devoção Reparadora dos Cinco Primeiros Sábados.

É importante recordar que para vivermos bem esta Devoção Reparadora, devemos estar em estado de graça para recebermos a comunhão, tanto que Nossa Senhora, ao aparecer para a Lúcia, em Pontevedra na Espanha, pediu primeiramente a confissão ao se referir aos atos reparadores. Portanto, em cada primeiro sábado, vivemos esse Momento da Devoção Reparadora dos Cinco Primeiros Sábados, no Santuário do Pai das Misericórdias, iniciando as 10h com a oração do Terço, depois fazemos uma catequese sobre a Mensagem de Fátima e, em seguida, os 15 minutos de Meditação da Palavra. Às 12h, temos Missa votiva à Nossa Senhora. Para confessar-se o peregrino, pode ir aos nossos confessionários, ou onde lhe for mais acessível.

Se formos obedientes aos apelos de Maria, certamente contemplaremos o triunfo do Seu Imaculado Coração, nesta vida e na vindoura. Que Ela nos ajude!

Áurea Maria
Comunidade Canção Nova

Deixe seu comentário:

Menu

A SANTÍSSIMO

A Santíssimo FM é a web rádio católica de Bastos e região. Sempre com as melhores músicas do cenário católico e notícias da Igreja e oração!

Curta no Facebook